HISTÓRIA DA NOSSA ASSOCIAÇÃO

 

Adolph Kolping foi um sacerdote católico alemão e fundador da Obra Kolping. Começou sua obra na Alemanha, no dia 5 de maio de 1849 com um pequeno grupo de jovens, a Associação dos Artífices, que viria a ser a semente que leva hoje o nome de Obra Kolping. Fundou ao todo 418 associações de trabalhadores similares às de Colônia.
A obra Kolping está no Brasil há mais de 9 décadas, com 348 centros espalhados em 21 estados. Ao redor do mundo já são mais de 500 mil sócios em 60 países. Cada Comunidade Kolping espalhada pelos diversos povos do mundo tem características próprias, acentuado aspectos de formação humana.
Em São Paulo a história da nossa Associação começa em 22 de Junho de 1923 como um projeto social, voltado a ajudar os imigrantes que aqui chegavam da Alemanha, auxiliando-os com hospedagem, convívio familiar e orientação na busca de emprego. Nos primeiros anos a Associação fundada pelo Padre Meinolf Voss O.S.B, ainda sem sede, tinha como berço o Mosteiro de São Bento localizado no centro da cidade.

Em 1926, graças ao esforço de todos os associados, foi instalada a Associação Católica Kolping, ao lado do Rio Pinheiros.  Foram anos de muita alegria e firmação do nome Kolping às margens do rio, que era usado como área de lazer dos seus Associados. Infelizmente, uma inundação do Rio Pinheiros em 1928 destruiu grande parte da sede, que aos poucos foi se reerguendo e ficou ali instalada até 1938.

Em 1939 a sede foi transferida para o atual endereço, ainda no município de Santo Amaro (que depois seria incorporado a cidade de São Paulo), e batizada na época de Kolping Piraquara. O Presidente Engenheiro Josef Speck foi o grande realizador da construção da nossa sede, que até hoje se encontra na Rua Barão do Triunfo 1213, no bairro do Campo Belo. A Associação Católica conseguiu desenvolver uma importante área social, que conta com piscina, salão de jogos, churrasqueira e área verde, graças a doações de Associados que contribuíram  para a família Kolping. A Associação também conta com uma bela Capela, doação da Senhora Elize Hufnagel, e celebra suas missas todos os domingos as 10h da manhã.
Conhecemos a afirmação “copo são, mente sã”, que faz parte dos ensinamentos do Padre Kolping, portanto a Associação é um local de convívio familiar entre associados, que podem disfrutar de reuniões, lazer, esporte, religiosidade e cultura alemã de forma geral. Inicialmente composto somente por imigrantes de língua alemã (Alemanha/Suíça/Áustria) a Associação tem hoje associados de todas as origens e principalmente brasileiros nativos.

 

1

 

 

 

“A comunidade Kolping deve ser para seus membros como uma casa de família onde eles possam se sentir a vontade , onde encontrem amigos com os mesmo ideais em situação de plena igualdade e, onde o convívio fraterno permita a troca de alegrias e tristezas”

Adolph Kolpin, fundador da obra Kolping. (1813-1865)